AgroB Business School EV | VER CURSOS AQUI

Escolher Edição:

Suinicultura

200,00

Courses
    200,00
    mais informações
    Categoria:
    • Enquadramento

    • Requisitos

    • Programa

    • Corpo pedagógico

    Descrição

    A suinicultura é um setor em constante evolução, com tendência de crescimento nas exportações e na autossuficiência. Para acompanhar o crescimento do mercado suinícola, existe a necessidade de evolução das operações inerentes à atividade pecuária, de forma a promover o bem-estar animal obrigatório e essencial, assim como a proteção ambiental. 

    Com este curso, irá adquirir conhecimentos e competências em suinicultura, tendo em conta as necessidades dos animais, a sua saúde e bem-estar, bem como o respeito pelas normas de qualidade dos produtos e de segurança alimentar. É constituído por 50 horas (11 horas síncronas e 39 horas assíncronas), desenvolvido totalmente à distância e com base nos conteúdos da UFCD 7711 de nível 4 (do referencial 621312 – Técnico/a de Produção Agropecuária). Enquadra-se na formação complementar definida pelo PDR, elegível para candidaturas a projetos Jovem Agricultor e Pedido Único.

     

    Certificação e Acreditação

    Parcerias

    Destinatários

    • Suinicultores;
    • Empresários nos primeiros anos de atividade;
    • Jovens Agricultores;
    • Técnicos superiores com formação nas áreas de Zootecnia, Medicina Veterinária, Agronomia, Biologia, Bioquímica ou Agroalimentar;
    • Estudantes nas áreas de Zootecnia, Medicina Veterinária Agronomia, Biologia, Bioquímica ou Agroalimentar;
    • Profissionais de cursos técnicos superiores (nível 5) em áreas das ciências da vida e da terra.

     

    Objetivos Específicos

    • Reconhecer a importância socioeconómica do setor suinícola em Portugal;
    • Identificar e caracterizar as principais raças autóctones e exóticas de suínos;
    • Compreender o enquadramento legal das explorações pecuárias e a regulamentação inerente;
    • Reconhecer as instalações e equipamentos necessários à atividade suinícola;
    • Identificar as necessidades nutritivas dos suínos com base na sua classificação, constituição, valor alimentar e fases de produção;
    • Calcular o arraçoamento para suínos de carne e as necessidades de água, de acordo com o processo produtivo;
    • Reconhecer as principais operações relativas ao processo de reprodução, condução da reprodução de suínos (gestação, parto e cria) e do maneio de recrias;
    • Identificar as operações de higienização e de limpeza das instalações pecuárias e de maneio higio-sanitário;
    • Identificar as alterações comportamentais e as principais doenças nos suínos, compreendendo a sua origem e medidas profiláticas a aplicar;
    • Compreender as exigências impostas pelo mercado, a regulamentação e as estruturas de comercialização;
    • Reconhecer a importância do tratamento dos efluentes e outros resíduos resultantes da exploração pecuária;
    • Reconhecer a importância do bem-estar animal e práticas a adotar nas explorações pecuárias.

     

    Metodologia de Ensino

    A metodologia de ensino tem como base a exposição teórica com recurso a suporte audiovisual, através de apresentações, vídeos, aulas em videoconferência, textos de apoio e/ou manuais, entre outros documentos.

    O formando poderá estudar e realizar as avaliações ao seu próprio ritmo e nos momentos que lhe sejam mais convenientes, respeitando a duração de cada módulo e os prazos estipulados.

     

    Metodologia de Avaliação

    Para concluir o curso, o formando deverá atingir os objetivos pedagógicos com aproveitamento e nos prazos estipulados para o efeito. A avaliação é composta por:

    • Assiduidade mínima obrigatória a 90% da duração das sessões síncronas;
    • Participação nas sessões síncronas (20%);
    • Avaliação contínua modular (30%);
    • Execução de atividades, tarefas ou exercícios (20%);
    • Avaliação final (30%).

     

    Vantagens deste Curso

    • Formação certificada DGERT com emissão de certificado através do SIGO;
    • Partilhe as suas experiências numa rede de networking com especialistas e empresários da área agrícola;
    • Adquira conhecimentos de forma flexível, sem necessidade de deslocações e com conteúdos disponíveis 24h/dia, através de uma plataforma de ensino à distância de simples utilização;
    • Acesso à plataforma de ensino através da aplicação Moodle App no Google Play e Apple App Store;
    • Acesso vitalício aos materiais pedagógicos da formação, mediante download dos mesmos;
    • Esclareça as suas dúvidas através de um sistema de tutoria ativa.

    Condições de acesso

    • Habitações mínimas de acesso: 9º ano;
    • A candidatura só é válida após o pagamento da inscrição e o envio dos documentos necessários para a candidatura.

     

    Documentação necessária para a candidatura

    • Certificado de habilitações;
    • Ficha de inscrição;
    • Questionário motivacional.

     

    Certificado de conclusão

    Os formandos que atinjam os objetivos pedagógicos definidos no campo Avaliação para a conclusão com aproveitamento do curso de formação que frequentaram, obterão dois certificados de conclusão:

    • O certificado de conclusão emitido pela AgroB, em formato digital, sendo disponibilizado na plataforma Moodle para download;
    • O certificado de formação profissional emitido pela plataforma SIGO (Sistema de Informação e Gestão da Oferta Educativa e Formativa), em conformidade com a Portaria nº 474/2010, de 8 de julho: este certificado é emitido em formato de papel, podendo ser posteriormente levantando nas instalações da AgroB ou enviado via CTT para a morada de inscrição do formando ou outra a definir (sob o pagamento da taxa de 10,00 € relativa a portes de envio).

     

    Outras Informações

    1. Na eventualidade de não atingir o número mínimo de participantes, a ação de formação poderá sofrer alteração de datas ou ser cancelada, ficando salvaguardada a devolução de todas as importâncias recebidas pela AgroB Business School EV. A AgroB Business School EV reserva-se no direito de adiar o início de qualquer formação até 48 horas antes da data prevista inicialmente, assim como de alterar o programa, os formadores, o local de execução, a duração e as datas relativas à formação em causa, obrigando-se, contudo, a comunicar qualquer alteração ao formando.
    2. Em caso de desistência, só haverá lugar à devolução dos valores pagos se a mesma for comunicada até 14 dias após a contratação da formação. Caso a desistência ocorra após o período de 14 dias da contratação da formação ou após o acesso aos conteúdos do curso, a AgroB Business School EV não é obrigada a devolver qualquer montante, de acordo com o previsto no DL n.º 24/2014, de 14 de fevereiro.
    3. Em caso de desistência efetuada após o prazo referido no ponto 2, e até 10 dias antes da data agendada para o início da formação, será aceite, implicando, contudo, a retenção de 50% do valor total da formação, a título compensatório pelas despesas efetuadas e prejuízos sofridos pela AgroB Business School EV.

    Suinicultura

    1. Panorama da suinicultura em Portugal

    1.1.  Importância socioeconómica da fileira;

    1.2.  Raças autóctones e exóticas – caracterização e aptidões;

    1.3.  Classificação zootécnica conforme as aptidões económicas;

    1.4.  Enquadramento legal das explorações pecuárias:
    1.4.1.  Licenciamento da atividade e regulamentação específica;
    1.4.2.  Normas de qualidade.

    1.5.  Registos (SNIRA, zootécnicos, sanitários e genealógicos); 

    1.6.  Organização Comum de Mercado (OCM).

     

    2. Instalações, equipamentos e maneio alimentar de suínos

    2.1.  Instalações e equipamentos:
    2.1.1.  Tipo de estabulação e instalações, organização do espaço e circuitos;
    2.1.2.  Equipamentos de condução, de alimentação, de limpeza e desinfeção.

    2.2.  Maneio alimentar de suínos:
    2.2.1.  Necessidades nutritivas e alimentares dos suínos para carne;
    2.2.2.  Tipo de alimentação em regime intensivo (energética, proteica, mineral e vitamínica), tipo de alimentos e características;
    2.2.3.  Operações relativas à alimentação: cálculo de arraçoamentos; operações de preparação e distribuição de alimentos; distúrbios alimentares.

     

    3. Maneio reprodutivo de suínos: operações relativas à reprodução

    3.1.  Aparelho reprodutor do macho e da fêmea;

    3.2.  Anomalias da reprodução;

    3.3.  Operações de reprodução: cio; monta natural; inseminação artificial; anomalias de fecundação.

     

    4. Maneio reprodutivo de suínos: operações relativas à gestação, parto e crias

    4.1.  Operações relativas à gestação e parto:
    4.1.1.  Diagnóstico e métodos de diagnóstico de gestação;
    4.1.2.  Anomalias da gestação;
    4.1.3.  Época e sincronização de partos;
    4.1.4.  Parto (sinais de proximidade, preparação, parto e cuidados pré-parto e pós-parto);
    4.1.5.  Preparação da maternidade;
    4.1.6.  Anomalias do parto.

    4.2.  Operações relativas à cria:
    4.2.1.  Colostro;
    4.2.2.  Aleitamento;
    4.2.3.  Leite de substituição;
    4.2.4.  Desmame;
    4.2.5.  Anomalias da cria.

     

    5. Maneio higio-sanitário e produtivo de suínos

    5.1.  Maneio higio-sanitário de suínos:
    5.1.1.  Operações de limpeza e higienização das instalações e dos equipamentos;
    5.1.2.  Operações de limpeza e higienização dos animais – corte ou limagem de comilhos, corte de cauda, unhas, castração;
    5.1.3.  Operações de tratamento – doenças, desparasitação, vacinação, quarentena e vazio sanitário.

    5.2.  Maneio produtivo de suínos:
    5.2.1.  Recria para abate;
    5.2.2.  Constituição e gestão de lotes, engorda/acabamento;
    5.2.3.  Programa alimentar.

     

    6. Comercialização e boas práticas em suinicultura

    6.1.  Comercialização e qualidade:
    6.1.1.  Regulamentação dos produtos com denominação protegida;
    6.1.2.  Estruturas de comercialização de animais e produtos de origem animal;

    6.2.  Tratamento de efluentes e resíduos da exploração;

    6.3.  Sistemas de criação de suínos em condições de bem-estar;

    6.4.  Normas de bem-estar animal;

    6.5.  Programação, organização e orientação das operações e tarefas nas diferentes fases de produção;

    6.6.  Boas práticas de segurança, higiene e saúde no trabalho.

     

    Informações gerais

    Data de Início
    17/10/2022
    Duração
    50 horas

    Descrição

    Spread the love

    Adquira conhecimentos sobre o efetivo pecuário e a produção de produtos de origem animal, atendendo às necessidades, saúde e bem-estar de suínos. Formação complementar definida pelo PDR2020 (UFCD 7711), elegível para candidaturas a projetos Jovem Agricultor, Pedido Único, Regime de Pagamento Base e Reserva Nacional de Direitos.

    Avaliações

    Ainda não existem avaliações.

    Seja o primeiro a avaliar “Suinicultura”

    Também pode gostar…

    x

    x

    x