Formacao_Agricola_E_Learning

Pacote de Formação Profissional da Espaço Visual por E-learning

conheça a nossa oferta formativa (aqui)

A formação profissional dos agricultores e empresários agrícolas é um desafio constante na medida em que as suas competências estão sujeitas a forte potencial de desatualização devido à inovação, investigação e desenvolvimento, permanentes, há mudanças praticamente diárias, ao nível da organização do trabalho e gestão, equipamentos, fertilização, controlo de pragas e doenças, material vegetal, animais, TIC, etc. O desafio para os empresários passa por estarem abertos às novidades, atualizarem o seu know how pela aquisição de conhecimento e pelo confronto deste com a realidade, sob pena do seu sucesso vir a ser gorado.

 

O empresário agrícola tem tempo muito escasso para responder a todas as solicitações a que está sujeito, a resposta atempada a tudo o que lhe é solicitado na boa gestão da sua empresa e mais do que falta de tempo disponível para a aprendizagem formal, há dificuldade de alocar o mesmo horário para a formação profissional agrícola ao longo de semanas ou meses. Neste sentido, a formação profissional agrícola à distância pode ser um instrumento de resposta à frustração destes players que sentem a necessidade de o fazer e ao mesmo tempo a falta de tempo disponível para o efeito. A Espaço Visual pela sua vasta experiência na formação profissional agrícola sente que esta pela via do e-learning corresponde a uma nova mentalidade que se está a instalar nas agriculturas de Portugal e é um estímulo à procura de sucesso.

 

Na perspetiva da Espaço Visual, a formação distância é vantajosa sob diversos pontos de vista, com benefícios para quem frequenta a formação e para quem a ministra, mais ainda quando se fala de formação em regime de e-learning com recursos às novas tecnologias cada vez mais acessíveis a todos. No caso da agricultura não é exceção. Há que contar com o tempo das deslocações que se adiciona ao tempo efetivo da formação. Por outro lado, a distância a percorrer por vezes é longa, uma vez que nem sempre é fácil obter formação ao pé de casa, aumentando por isso, os custos com as deslocações. A este nível a formação profissional agrícola à distância é mais prática, mais barata e ajuda a entidade formadora a concentrar-se naquilo que é importante, o conteúdo da formação.

 

A par destas vantagens, destaca-se ainda flexibilidade que a formação profissional agrícola à distância cria para a gestão do tempo permitindo a formação na hora que o agricultor entender como melhor, permite que os conteúdos sejam absorvidos pelo formando na medida certa, permitindo que o este possa fazer pesquisas paralelas e complementares, avançando ao seu próprio ritmo.

 

Tendo em conta a importância da literacia tecnológica nos tempos que correm, podemos ver a formação do agricultor em formato e-learning como uma oportunidade adicional de desenvolver competências no âmbito das novas tecnologias da informação e da comunicação e socialização on-line.

 

A formação profissional agrícola em e-learning proporciona aprendizagem contínua adicionando a possibilidade de desenvolvimento das soft skills, as competências pessoais como a autodisciplina e a capacidade de gestão de tempo, bem como a capacidade de autoanálise, tendo em conta que este modelo pedagógico assenta numa maior autorresponsabilização de quem frequenta a ação de formação.

 

Há que realçar o aspeto menos positivo da formação de agricultores à distância que é o facto de a formação não ser realizada no campo. Mas isto não significa que por ser à distância que não haja o apelo à prática, pelo contrário, a prática é o que orienta a formação em formato e-learning sob pena de se tornar um livro em formato digital.

 

O modelo pedagógico adotado pela Espaço Visual no seu conjunto de cursos de formação profissional em e-learning, consiste no respeito por alguns princípios inalienáveis como a consistência (estruturação sequencial do conteúdo), a previsibilidade (formação orientada por objetivos), a participação (desafio constante à participação ativa dos formandos), a interação (estímulo à resolução de problemas e ao pensamento crítico), o envolvimento (exemplos reais) e a progressão centrada no formando.

As possibilidades que as plataformas eletrónicas nos dão atualmente permitem agir em conformidade com estes princípios e acentuam o caráter dinâmico e interativo que a aprendizagem deve ter. Para complementar a formação, independentemente do formato, o player agrícola deve procurar desenvolver a sua rede de contactos e visitar pessoalmente outros agricultores de forma a confrontar o seu conhecimento com o dos outros. É na interação que melhor se aprende e dessa forma que se estabelecem redes de cooperação entre produtores.

 

O empresário agrícola de hoje, tem à sua disposição formação em diferentes áreas que satisfazem muitas das necessidades formativas dos jovens agricultores e dos produtores agrícolas mais experientes e exigentes

.

A Espaço Visual tem já oferta dos seguintes cursos em e-learning:

- Agricultura sustentável – UFCD7580 (formação de base do Jovem Agricultor PDR2020);

- Gestão de Empresa Agrícola – UFCD2889 (formação complementar do Jovem Agricultor PDR2020);

- Nutrição das Plantas - UFCD7581 (formação complementar do Jovem Agricultor PDR2020);

- Proteção das Plantas – UFCD7583 (formação complementar do Jovem Agricultor PDR2020);

- GlobalGAP;

- Horticultura;

- Cultura do Kiwi;

- Cultura do Mirtilo;

- Cultura da Framboesa;

- Cultura do Pistacho;

- Cultura da Aveleira.

Consulte a nossa oferta formativa (aqui)

Para mais informações sobre a formação profissional da Espaço visual contate-nos:

com Tania Pacheco  +351 962 929 498 ou dep.formacao@espaco-visual.pt

visite: formacao.espaco-visual.pt